Palavra do Presidente

Devanir Aparecido Rodrigues -

Perspectivas Políticas e Econômicas no Brasil


"Nesse momento em que as perspectivas políticas e econômicas no Brasil são complexas e desafiadoras, a atuação do SAAEC ─ em prol da categoria que representa ─ exige muito mais empenho e perspicácia.

Foi fundamental a participação da categoria na Assembleia que definiu, após amplos debates, pontos importantes para a Campanha Salarial de 2015.

Com a pauta de reivindicações estabelecida, o SAAEC em trabalho conjunto com os demais Sindicatos da categoria filiados à FEPAAE pode iniciar negociação com os sindicatos patronais.

Diante das crescentes adversidades que assolam o nosso país já no início deste ano, sobretudo do ponto de vista econômico, não é nada fácil negociar com os patrões os quais, sempre relutam diante das reivindicações salariais, alegando dificuldades em função da realidade econômica do Brasil. Mas, o resultado da Campanha Salarial 2015, para os auxiliares de administração escolar ligados ao ensino básico, foi muito positivo.

As negociações de reajustes para o Ensino Superior ainda estão em andamento e, também, estamos muito confiantes no encaminhamento das reivindicações da categoria.

Para o Ensino Fundamental e Médio já foram definidos o percentual de reajustes e os pisos salariais para auxiliares de administração escolar. O índice de reajuste de salários dos auxiliares, a partir de 1 de março de 2015 será de 9,41% sobre os salários devidos em 1 de março de 2014. E, as escolas que deixaram de cumprir o disposto no item B da cláusula da PLR da Convenção Coletiva de Trabalho deverão reajustar, a partir de 1 de março 2015, os salários dos auxiliares de administração escolar em 11,91% sobre os salários devidos em 1º. de março de 2014.

O piso salarial dos auxiliares de administração escolar, a partir de 1 de março de 2015, é de R$ 984,69. O cartão-alimentação ou vale-alimentação entregue aos auxiliares deverá ser reajustado a partir de 1º. de março em 7,68%, não podendo ser inferior a R$ 75,38.

Maiores detalhes sobre o assunto podem ser consultados no Comunicado Conjunto 01/2015, divulgado.

Na certeza de que o trabalho conjunto tem sido uma excelente estratégia de negociação, agradecemos a participação de todos."